top of page
Buscar
  • Foto do escritorcontato811642

O açúcar alimenta o câncer?

Muito se fala sobre os benefícios e malefícios do consumo do açúcar, principalmente em relação às doenças que esse alimento pode desenvolver. Além dessa dúvida, muitos imaginam que ao parar de consumir o açúcar estarão mais protegidos. “Diversos pacientes vêm ao consultório com esta dúvida, pensando que se parar de comer o açúcar o câncer irá morrer, porém, o açúcar não alimenta o câncer. Claro que seu consumo deve ser realizado de forma equilibrada, para evitar o aparecimento de diversas patologias como diabetes, hipertensão, obesidade e doenças cardiovasculares”, alerta a nutricionista Aline Cristina Bucalão de Menezes, do Instituto OncoYart.


As células do câncer são capazes de captar até 50 vezes mais glicose do que uma célula normal, mas se não tiver glicose, ela consegue transformar proteínas e gorduras em forma de energia, o que mantém o tumor em crescimento. “O que nós sabemos é que a alimentação inadequada é responsável pelo aparecimento de aproximadamente 30% dos tumores. Para manter uma alimentação adequada e evitar o aparecimento de doenças, entre elas o câncer, é importante reduzir o consumo de alimentos industrializados, que possuem gorduras, açúcares e sódio em quantidades aumentadas (biscoitos recheados, salgadinhos, macarrão instantâneo, temperos industrializados, sorvetes, cereais matinais açucarados, barras de cereal, molhos, misturas prontas para bolos ou pudim, entre outros)”, ressalta.


Diversos estudos demonstram o consumo de bebidas açucaradas, como os refrigerantes, sucos em pó, achocolatados e sucos industrializados, ao aumento da chance do aparecimento de câncer, diabetes e doenças cardiovasculares. Por isso é importante aumentar o consumo de frutas, vegetais e alimentos integrais, que auxiliam na redução da chance do aparecimento de doenças, e com isso aumentam a imunidade, além de melhorar a qualidade da função intestinal. “A dica é: se você tem muita vontade de consumir doces ao longo do dia, procure uma nutricionista. A inclusão de doces e açúcares na dieta deve ser realizada de forma individual a depender do objetivo do paciente”, ressalta Aline Cristina Bucalão de Menezes.





1 visualização0 comentário

Comentários


bottom of page